Quantas vezes deixamos de ser felizes por medo de sofrer? Presos por experiências passadas, temos a confiança abalada e perpetuamos situações que não existem mais.

Não da pra desabafar, porque ninguém irá nos entender, então nos tornamos portadores da angustia, que se tornam ataduras e não nos permitem viver. Começamos a comparar coisas e pessoas com aquilo que conhecemos e nos esquecemos que a beleza da vida é que ela sempre nos surpreende.

Não da para saber tudo, a não ser a certeza que nada será como antes. Tudo se renova, transforma e modifica. A melhor escolha é abraçar o medo e seguir com ele. O pior erro e parar na vida, achando que isto é ganhar.

Morremos quando deixamos de aprender, nos permitir e mudar. Respire fundo, largue suas correntes e sonhe alto. O que aconteceu no passado deve ficar lá atrás. Abra sua mente ao novo, diferente e enriquecedor. Não deixe de aproveitar as coisas lindas que há pra viver com medo de novas cicatrizes, se as coisas podem ficar ruins, também podem ser incríveis.

Hoje te convido a fazer planos, criar metas e se abraçar. Compreenda sua dor, se entregue ao amor e se o medo não te deixar, coloque ele na mala e diga: hoje vou te desafiar.

Juliana Torres ♥

 

Compartilhe