Quem tem um animal de estimação sabe o quão frequente pode ser a incidência de vermes no animal caso não tomemos os cuidados necessários. Pensando nisso, reuni abaixo algumas informações que vão te ajudar a resolver de uma vez por todas esse problema.

  1. Sintomas – Como saber se meu animal está com vermes?
    Os sintomas podem variar de acordo com o tipo de hospedeiro e o organismo do animal, mas de maneira geral os gatos contaminados apresentam: pelos opacos, queda de pelo, vomito, sonolência, sangue nas fezes, diarreia, falta de apetite, perda de peso, além de pré-disposição a infecções secundárias.
  2. Combatendo os vermes – O que posso fazer?
    Existem algumas medidas simples que podem ajudar a eliminar os vermes e prevenir novas contaminações, são elas: vermifugar o pet de 3 em 3 meses, dar ao animal apenas água filtrada, combater as pulgas e levar sempre a um veterinário para verificar a saúde do animal. No caso de filhotes o vermifugamento deve ocorrer entre os 15-30 primeiros dias de vida, devendo repetir a dose do medicamento na primeira quinzena seguinte. Lembre-se que a dose do medicamento varia de acordo com o peso do gato.
  3. Prevenção – Adeus vermes!
    Melhor do que cuidar de animal contaminado é impedir que ele sofra outra vez. Para isso basta seguir algumas medidas básicas: Evite contato com outros animais contaminados; Efetue o vermifugamento periodicamente; Mantenha uma boa higiene da caixa de areia; Caso tenha mais de um animal medique todos juntos.
  4. Curiosidade: Você sabia que os vermes podem ser transmitidos da mãe para os filhotes via transplacentária e pelo leite?

Existem diversos tipos de parasitas que podem agredir a saúde dos nossos Pets, o ideal é que sempre trabalhemos com prevenção evitando o sofrimento desnecessário dos animais.

Quantos gatos você tem? Já passou alguma situação difícil com relação a parasitas?

Beijos coloridos,

Juliana Torres 

Compartilhe