Olá noivinhas,

Na semana passada nós conversamos sobre histórias de amor e como cada começo define a essência do casal (Post 1: Veja AQUI.). Hoje vamos falar sobre os padrinhos de casamento, como escolhe-los e o compromisso deles para com o casal.

Ser padrinho/madrinha é uma verdadeira honra. Eles são as pessoas escolhidas pelos noivos para apoiá-los e aconselhá-los em todas as fases da vida, além de participarem ativamente dos preparativos do casamento. São responsáveis em auxiliarem o casal à transformar o evento em um dia inesquecível.

Devem ser escolhidos pelo nível de amizade, confiança e pelos elos afetivos que podem ser ou não laços de sangue.

Também possuem algumas responsabilidades, como: Presentear os noivos com algo significativo; Aconselharem o casal na vida conjugal; Pontualidade nos eventos; Ajudarem/organizarem os chás de panela/bar e despedidas de solteiro; Acalmarem, auxiliarem os noivos e acompanharem de perto cada etapa do evento.

Um ponto importante a levantar é que os padrinhos podem ser divididos entre civil e cerimonial. No civil é necessário apenas duas pessoas para assinarem, já a cerimonia fica a critério dos noivos.

O casal também pode escolher padronizar a roupa dos padrinhos, seja com peças iguais ou apenas pela cor, combinando o vestido das madrinhas com as gravatas dos padrinhos.

Enquanto aos noivos, a responsabilidade deles para com os padrinhos é mantê-los sempre por dentro das fases que passarem, informá-los das programações para o grande dia para trabalharem como uma equipe.

Dica de hoje: Defina seus padrinhos no inicio da preparação do seu evento. Informe a eles seus planos. Faça reuniões entre eles para que possam te auxiliar nas principais decisões. Várias cabeças planejam melhor do que duas.

Beijos coloridos e até segunda-feira que vem!

Juliana Torres 

Compartilhe